• Posted by : Lízi 4 de mar de 2015





    Oi galera, fico feliz de estarmos aqui hoje para uma recomendação. Eu tenho lido esse mangá bem devagar, mas ele é bem interessante, então como também foi pedido mangás desse gênero, vamos falar hoje de Doll Star.

    Esse mangá é de drama, horror e mistério psicológico, vida escolar e ainda pra fechar com chave de ouro, é um seinen. Ele já está completo no país de origem em dois volumes! Seu mangaká é Satomi Ran e o artista é Maki Ebishi (provavelmente duas mulheres? Não consegui achar a informação, desculpa). Foi publicado pela Kodansha e serializada em duas revistas, a Magazine Z e ZOO. Não foi licenciado em inglês e não imagino que em qualquer momento próximo vamos ter um título desses no Brasil, apesar de que deveríamos.

    A essa altura acho que todos sabemos que seinens tendem a retratar problemas da sociedade, além de envolver política e etc, e em Doll Star não é diferente. A temática sobrenatural dele é pesada e instigante e se mostra mais perturbadora quanto mais normal são os eventos.

    Tudo começa com uma nova estudante chegando na escola no meio do ano. A atmosfera já é tensa no desenho e os pensamentos paranoicos da menina ajudam a criar o clima que te faz entender, que um passo errado vai te levar a ser um alvo. Ela então se vê sentada do lado de uma estudante loira, de cabelos curtos e que está babando na classe dormindo. Ela sempre dorme e mata aulas, nunca fala com ninguém e não tem amigos. Essa é Yugi Nonoka e todos da sala dizem que ela é louca, uma prostituta, retardada e por aí vai a lista de elogios e boatos maravilhosos que cercam essa garota, no entanto, quando os populares da turma aceitam Fukudou (a garota nova) no seu grupinho, imediatamente querem testar sua coragem com uma daquelas brincadeiras de mal gosto do velho bullying. Mas Yugi não se acanha com o acidente, ela é zuada por andar por aí com um ursinho de pelúcia na bolsa e falar com ele sempre e depois de reagir em defesa de seu ursinho, Yugi leva uma bela de uma porrada na cabeça. Depois de um tempo na escola, Yugi não parece nada abalada e ela encontra Fukudou na saída, segurando o seu ursinho, que ela chama de criança. A conversa de Yugi com Fukudou a deixa abalada demais (não vou contar né :P).
    Somos levados a ver a vida na casa de Fukudou, sua mãe lhe chama para jantar, mas notamos que ela tem vários curativos no corpo, e quando vemos seu irmão também. A atmosfera fica muito feliz pela primeira vez, papo normal de família até que...alguém bate na porta e tudo desanda. Não precisamos esperar muito, é o pai deles que está na porta exigindo entrar. Seu irmão mais novo então manda a mãe e a irmã para o quarto, afim de enfrentar o pai agressor, mas tudo dá errado e os dois apanham bastante, por um bom tempo enquanto Fukudou não consegue fazer absolutamente nada trancada em seu quarto com o seu ursinho, então...Nanako aparece na sua janela e diz que ela precisa deixar de ser covarde e que dessa vez, vai ajudá-la com seus poderes.

    O resto, só lendo minha gente. Pode parecer que eu falei demais, mas podem ficar tranquilos que nada foi estragado.

    A trama segue esse ritmo tenso e os quadros tem um traço bem forte, notei que quando a coisa ta feia tudo costuma estar bem claro, e quando Nanako aparece, o traço até fica mais pesado e rústico, até puxar para o esperado traço mais típico visto em horror.

    Até o momento da minha leitura esse mangá não deixou nada a desejar e nem ficou chato ou me deixou entediada até chegar algum acontecimento. Tudo está acontecendo o tempo todo, e qualquer passo em falso...vai te levar para um péssimo destino.

    Prontos para ler? Eu li aqui em inglês, como costumo. Infelizmente não achei em português, mas quem sabe esteja em algum confim do senhor Google né? Se alguém achar, por favor comente ou fale pela page do facebook que adicionaremos aqui no post!


    Muito obrigada por lerem essa recomendação e tenham uma boa semana galera!

    0 comentários

  • Copyright © 2013 - Nisekoi - All Right Reserved

    Uma futura bibliotecária apaixonada por mangás Powered by Blogger - Designed by Johanes Djogan